Destaques

Newsletter

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Volta Mundo Blogueiro

Há quase dois anos atrás, ainda no domínio antigo (.com) do Ale Dreams, eu me deparei com este post, no Mulher Vitrola, e imediatamente me identifiquei com o post...
Eu já estava doente, passava alguns períodos sem postar, e quando ia visitar os "blogs amigos", encontrava em hiatus, ou deletados, ou "abandonados"... E comecei a me perguntar o que estava acontecendo.

Logo, surgiu o projeto "Volta Mundo Blogueiro". Eu até postei sobre, coloquei o selinho apoiando, mas nem tive tempo de avisar à Renata sobre, pois fui piorando, e o resto já contei no post de retorno... Enfim, perdi o domínio antigo, voltei com este, mas o selinho ficou nos guardados...Esta semana procurei pelo projeto e voltei com selinho, mais este post...

Confesso que exitei em apoiar e aderir, pois muitas postagens de quem apoia o projeto, criticavam o fato de blogs estarem sendo invadidos por tendências como postar sobre maquiagem, esmaltes, e moda, incutindo e incentivando o consumismo.
Eu muitas vezes, ou melhor na maioria das vezes. Procuro diversificar trazer conteúdo dicas sobre maquiagem, esmaltes, música, nerdices, etc (basta ver as categorias na sidebar do blog)...meus posts são reflexo do que gosto, do que acho interessante, ou de coisas que senti vontade de escrever. Ponto. Visito todo o tipo de blog, respeitando sempre. posto sobre esmaltes e nail arts, pois gosto mesmo, é um hobby, ponto.
Entendo e respeito quem ama criar makes, elaborar posts trabalhosos com tutoriais de maquiagens que criou e decidiu compartilhar. Respeito as meninas que só postam sobre os "colírios" atuais. AMO blogs com resenhas de livros, que nos instigam contam um pouquinho, opinam e deixam aquele gostinho de quero mais, aquela vontade de ler o tal livro...
Respeito.

Falta de respeito? Entrar num blog feito um furacão propondo parcerias em troca de indicações, votos, pedir que te siga, sem ao menos se dar um trabalho de cumprimentar, ler um parágrafo, emitir uma opinião para quem posta ali.
E mais falta de respeito? "Se achar"...é mesmo se colocar num pedestal, ignorar suas leitoras, ou tratá-las com grosseria. Divergir, normal
O que me faz apoiar o "Volta Mundo Blogueiro"?
Blog desde o finalzinho de 2003, quando descobri os blogs e comecei o meu no Weblogger, engrenei mesmo em 2004. Na época "LayShop" eram tudo! Trocávamos "Awards", selinhos, indicávamos Memes. Depois no UOL BLOG passei pelo Click Amizade, pelo Nany Show, e conheci tanta gente legal! Algumas, ao longo dos anos se tornaram amigas queridas como a Tati, a Nadjinha, a Soraia,a Paloma (Vizinhaaaa!), essas meninas viram meu filho crescer, participaram da segunda gravidez, estiveram por perto quando adoeci (a Tati tinha feito uma pausa, fez maior falta!) e são queridas minhas que nunca conheci pessoalmente mas pessoas com as quais "me sinto em casa", estas são algumas (+ Letícia Thais maninha, A Fátima Zariano, Paloma Carvalho, a Patrícia Freitas, A Vê Peixoto do extinto Jelly Beans, e ainda tem mais...). Algumas outras não tenho mais tanto contato, outros blogs leio, mantenho os links aqui para não perder, porque gosto, e cada um segue o seu padrão. Tem lugar para todos!

O que vale, é ter opinião, se expressar, ter personalidade. Eu gosto de compartilhar coisas que aprendi, postar uma rede social nova que experimentei, ou mesmo uma cor de batom que me conquistou, coisas legais do universo mulher/mãe, meus dilemas pessoais, mensagens, fé... Sustento minhas opiniões e as defendo.
Acredito que muita gente faça como eu, visito leio se gostar volto, se não não volto, só fecho e sigo adiante.

Deixo aqui as definições para Blog/Blogs pessoais:
"Um blog (português brasileiro) ou blogue (português europeu) (contração do termo inglês Web log, diário da Web) é um site cuja estrutura permite a atualização rápida a partir de acréscimos dos chamados artigos, ou posts." (...)
Os blogs pessoais são os mais populares, normalmente são usados como um gênero de diário com postagens voltadas para os acontecimentos da vida e as opiniões do usuário.(...)
Um recurso característico dos blogs é a possibilidade de interação do visitante, respondendo ou opinando em relação aos artigos publicados."
(Fonte:Wikipedia.org)

Volta Mundo Blogueiro...Mas com RESPEITO e personalidade.

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Plush / Fuzzy Nails, testei!

Olá meninas?!
Semana de correria, meu sobrinho nasceeeeeu!
Gente, Bruno chegou no dia 09/06/12, com 4,470g e não me perguntem quantos centímetros porque a partir daí não ouvi mais nada, só conseguia agradecer à Deus e glorificar meu Senhor por esta benção em nossas vidas. Minha irmã teve que ser submetida à uma cesariana, nem preciso comentar por que, né?! E está ótima. Estamos pertinho porque ela veio para a casa da minha mãe, que é em cima da minha casa.
Todo dia tia dá um cheirinho antes de vir trabalhar!!! 
E eu sem tempo para curtir, trabalhando muito, preocupada com meus filhos que estão reagindo de formas diferente ao fato de mamãe e papyto estarem trabalhando muito. Mas não tem jeito... é a vida sendo posta nos trilhos, graças à Deus, depois de muitas reviravoltas. Aos poucos colocaremos tudo no lugar. Tenho orado bastante para o Senhor me dar sabedoria para lidar com os momentos delicados que meus meninos apresentam. Conversando com marido, muito estamos encontrando soluções, que creio eu surtirão efeito, e meus amores ficarão bem novamente...

Arthur precisa de um esporte, está ligado no "220w", mais do que já era, acrescente aí teimosia...muita teimosia. Ele sempre teve personalidade desafiadora-opositora, em que a última palavra teria de ser a dele. Exemplo? Colocava para "pensar" e ele ficava indignado. Quando eu conversava com ele e finalizava o "momento de reflexão", ele simplesmente dizia que não queria "agora não"... E quando ele "avisava" que acabou, eu deixava claro que iria quando eu autorizasse... Imaginem... Semana passada, a líder da Célula dele na Igreja veio conversar comigo, fiquei passada, pois o Arthur tem atrapalhado o desenvolvimento das atividades e estudo, o que ele gosta muito, e sempre sai feliz, comentando tudo o que aprendeu comigo no comigo para casa e ainda explica tudinhoo ao papyto quando chega em casa.
Já o Rodrigo, procura isolar-se. Cumpre as tarefas diárias, deveres de casa, leitura diária do livro paradidático...e vai desenhar está fascinado por mangás, e quando não é o desenho, é o Nintendo Wii o seu foco. Também estamos procurando algo para tirá-lo deste momento, sem forçar barra. Conversando com o pai, ele pediu para voltar ao Judô, e concordou em fazerem juntos pois o pai também precisa se exercitar. Estas duas resoluções foram as iniciais.
Bom, dilemas maternais à parte, entrei para um Grupo no Facebook: Amiga Comenta - Mulher e Mãe, para mães blogueiras, onde visitamos e comentamos nos blogs umas das outras e trocamos experiências e está sendo maravilhoso, os blogs são diversificados, postagens sobre temas atuais que envolvem o nosso universo de mãe e mulher, e as meninas são pessoas maravilhosas, nos identificamos com "#amigacomenta", ao final dos comentários, além de assiná-los, claro... Mamães de plantão, ultra recomendo!

Vamos ao motivo deste post?!

Esmaltólatra é curiosa... maior onda de Plush/ Fuzzy nails ou Unhas de Pelúcia!! E o que eu fiz? Fui experimentar, claro! Hoje vamos aprender a fazer as famosas unhas para o inverno.
Bom, não tem mistérios não. Eu comprei na "Pink Casa da Manicura" um potinho "rosa" e um 'azul", já pensando nas unhas que usaria para conhecer o Bruninho.

O efeito é obtido com o pó para Flocagem que vende em lojas de material para artesanatos, usado para dar efeito camurça em caixinhas. Mas algumas lojas especializadas em artigos para cabeleireiro e manicura, já vendem, como foi no meu caso. Vamos ao passo à passo?

Plush/Fuzzy Nails (Unhas de Camurça)
1º - Faça suas unhas normalmente, base + esmalte de sua preferência. Meu eleito foi azul, o "Tokio Oriental Blue”, d'O Boticário (Swatches aqui no blog) para usar com os pelinhos da mesma cor;


2º - Aplique uma camada de Top Coat (vulgo Extra Brilho) tenha cuidado para não deixar borrões, evitando assim que o pó de flocagem não grude nos dedos também.

3º - Mergulhe o dedo no potinho(eu coloque na tampa do mesmo) de flocagem ou jogue generosas porções em suas unhas, observando se estão cobertas por completo pela flocagem.
4º - Dê pequenas batidinhas para tirar o excesso. (Umas chacoalhadas também ajudam)



5º - Faça unha por unha, não aplique nenhum produto depois e deixe secar. Voilà: Unhas de Camurça/Fuzzy Nails prontinhas!



O que eu achei? Ficam lindas, fazem sucesso, mas precisam de cuidados, como cuidado ao lavar as mãos. Pode! Mas não seque com a toalha passando nas unhas, pois vai arrancar flocagem. O Top Coat(Extra-Brilho) fixa, mas não é mágico. Como eu descobri? Lavei a louça, não aconteceu nada, só escureceu porque molhou, só que me distraí e ao secar as mãos, passei o pano de prato nas unhas...resultado alguns poucos soltaram, deixando falhas.

Outro detalhe é o fato da flocagem prender em alguns tipos de tecido. definitivamente não é bem o tipo de unha para o dia-a-dia. Eu usei no final de semana, e ponto. 
Agora vou experimentar a rosa...
Ah, e o Bruninho!
Olha ele aqui:
Titia amaaaaaa!!!
OBS.: Devido a mudança de domínio, as imagens do Blog Ale´s Dreams ao exportamos as postagens, ficaram com link do antigo domínio, e por este motivo, ao cancelar a antiga hospedagem, até foram recuperadas, porém sem a qualidade e tamanho original. Desculpem o transtorno.

E vocês, já experimentaram? Aprovaram ou não?Me contem!!

Tenham uma semana abençoada e produtiva!

sábado, 16 de junho de 2012

Resultado do Sorteio Kanitz

Após tentativas frustradas, e um adiamento finalmente saiu o resultado!
Na data marcada, tentei em vão realizar o sorteio.
Gente: eu posto as regras explicando tudinho, como fazer, como retirar os links, e ainda explico no formulário de inscrição os detalhes! Ou o pessoal tem preguiçe de ler, ou não sabe seguir passo-a-passo!!! Foram 05 sorteadas, que quando seguiam o meu blog, não seguiam o da Kanitz, Ou não Curtiam a Página da Kanitz no Facebook, e fazia todo o restante...Enfim, exausta, desisti, e decidi marcar outra data, e deixar um alerta na página do evento para que lessem o post com atenção, pois o sorteio não era só curtir a página da Kanitz no Facebook!


Hoje não foi diferente, mais foi menos complicado. Duas sorteadas.
* A primeira segue o Ale´s Dreams, Curte a fanpage do blog no Facebook. Curtiu a fanpage da Kanitz no Facebook, mas não seguia o Blog da Kanitz _ foi desclassificada...


* A Segunda sorteada...


Tchan tchan tchan tchaaaaaan!

Cumpriu as regras obrigatórias, e foi justamente com esta inscrição que ela ganhou:
- Segue o blog ALE`S DREAMS;
- Segue blog da KANITZ ;
- Curte a Fanpage da KANITZ no Facebook;
- Mora em território nacional;

Foram 99 inscrições, gostaria de agradecer à todas que participaram antes de anunciar a sorteada que vai experimentar a hidratação e o delicioso perfume do Body Pleasure (resenhado AQUI), que a Kanitz enviará para sua casa!!!
Aviso desde já, que novas parcerias vem aí, e que mais sorteios também, fiquem ligadas!!!

E a sorteada foi:
Tatiana Berto - Primeira inscrição(Seguindo Regras Obrigatórias)

Segue o Blog da Kanitz

Segue o Blog Ale´s Dreams

O mais engraçado foi eu ir ao Blog da Kanitz quase chorando, pq ia ter q conferir se ela seguia o blog, dei de cara com ela no aplicativo sem ter que clicar nas páginas...Depos lembrei que bastava visualizar no Google+ quem ela segue afff!
OBS.: Devido a mudança de domínio, as imagens do Blog Ale´s Dreams ao exportamos as postagens, ficaram com link do antigo domínio, e por este motivo, ao cancelar a antiga hospedagem, até foram recuperadas, porém sem a qualidade e tamanho original. Desculpem o transtorno.

*Bom, a Tatiana Bertolin terá 48 horas para responder meu e-mail, caso contrário outro sorteio será realizado com as mesmas participantes. Será feito via ramdom.org;

**Será a própria Kanitz que irá escolher a fragância e enviar o prêmio a ela, assim que eu transmitir os dados que ela enviar ao responder o e-mail.

E é isso!
Tenham um final de semana abençoado meninas! Domingo, post novo!!!

terça-feira, 12 de junho de 2012

"Para inspirar"

Postando em "Dia dos Namorados"...
Mas hoje gostaria de inspirar a namorados, esposos, amigos(e por que não)... este texto que divido com vocês, me fez lembrar que cada vez mais, as pessoas simplesmente desistem...
Não importa a dificuldade. Muita gente sabe, mas para quem não sabe, quase morri, fiquei muito doente no ano passado, e uma pessoa, junto com a minha mãe, foi incansável...



Pra você, "Amore"
RODRIGO, meu amor
a cada dia agradeço a Deus por ter você na minha vida.
Pelo marido, namorado, amigo
que atravessou e lutou comigo durante os momentos mais difíceis
da minha vida.
Ao pai maravilhoso que meus filhos têm...
Que o Senhor derrame chuvas de bençãos em você, e na nossa união.
Obrigada por não desistir... TE AMO. ♥



Agora para vocês, leitores:

Muitas vezes, as pessoas passam por aqui e ao encontrar um post grande, desanimam, não leem...
Mas este texto, é diferente. Li, me emocionei e sei que muita gente também vai se emocionar...
Fala sobre enxergar a beleza interior, ou seja, a verdadeira beleza. Fala sobre valorizar, dar atenção à pequenos detalhes, detalhes que, por vezes passam despercebidos, ou que parecem pequenos... E, por fim, principalmente pode falar à você, que está em crise no namoro, noivado ou casamento, acha que não ama mais... não deixe adormecer o que te fez amar, que qualidades te fez querer estar para sempre ao lado daquela pessoa que Deus reservou especialmente para você.

Não espere ser tarde demais...


Naquela noite, enquanto minha esposa servia o jantar, eu segurei sua mão e disse:

" -Tenho algo importante para te dizer".

Ela se sentou e jantou sem dizer uma palavra. Pude ver sofrimento em seus olhos. De repente, eu também fiquei sem palavras. No entanto, eu tinha que dizer a ela o que estava pensando. Eu queria o divórcio. E abordei o assunto calmamente. Ela não parecia irritada pelas minhas palavras e simplesmente perguntou em voz baixa:

"- Por quê?"

Eu evitei respondê-la, o que a deixou muito brava. Ela jogou os talheres longe e gritou:

"- Você não é homem!"

Nós não conversamos mais. Pude ouví-la chorando. Eu sabia que ela queria um motivo para o fim do nosso casamento. Mas eu não tinha uma resposta satisfatória para esta pergunta. O meu coração não pertencia a ela mais e sim a Jane. Eu simplesmente não a amava mais, sentia pena dela. Me sentindo muito culpado, rascunhei um acordo de divórcio, deixando para ela a casa, nosso carro e 30% das ações da minha empresa. Ela tomou o papel da minha mão e o rasgou violentamente. A mulher com quem vivi pelos últimos 10 anos se tornou uma estranha para mim. Eu fiquei com dó deste desperdício de tempo e energia mas, eu não voltaria atrás do que disse, pois amava a Jane profundamente.

Finalmente ela começou a chorar alto na minha frente, o que já era esperado. Eu me senti libertado enquanto ela chorava. A minha obsessão por divórcio nas últimas semanas finalmente se materializava e o fim estava mais perto agora. No dia seguinte, eu cheguei em casa tarde e a encontrei sentada na mesa escrevendo. Eu não jantei, fui direto para a cama e dormi imediatamente, pois estava cansado depois de ter passado o dia com a Jane.
Quando acordei no meio da noite, ela ainda estava sentada à mesa, escrevendo. Eu a ignorei e voltei a dormir.

Na manhã seguinte, ela me apresentou suas condições:
- Ela não queria nada meu, mas pedia um mês de prazo para conceder o divórcio.
- Ela pediu que durante os próximos 30 dias a gente tentasse viver juntos de forma mais natural possivel.
As suas razões eram simples:
- O nosso filho faria seus exames no próximo mês e precisava de um ambiente propício para prepar-se bem, sem os problemas de ter que lidar com o rompimento de seus pais.
Isso me pareceu razoável, mas ela acrescentou algo mais. Ela me lembrou do momento em que eu a carreguei para dentro da nossa casa no dia em que nos casamos e me pediu que durante os próximos 30 dias eu a carregasse para fora da casa todas as manhãs.
Eu então percebi que ela estava completamente louca mas, aceitei sua proposta para não tornar meus próximos dias ainda mais intoleráveis.

Eu contei para a Jane sobre o pedido da minha esposa e ela riu muito e achou a idéia totalmente absurda.
" - Ela pensa que impondo condições assim vai mudar alguma coisa; melhor ela encarar a situação e aceitar o divórcio..."_disse Jane em tom de gozação.

Minha esposa e eu não tínhamos nenhum contato físico havia muito tempo, então quando eu a carreguei para fora da casa no primeiro dia, foi totalmente estranho. Nosso filho nos aplaudiu dizendo:

" - O papai está carregando a mamãe no colo!"

Suas palavras me causaram constrangimento. Do quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa, eu devo ter caminhado uns 10 metros carregando minha esposa no colo. Ela fechou os olhos e disse baixinho :
" - Não conte para o nosso filho sobre o divórcio."

Eu balancei a cabeça mesmo discordando e então a coloquei no chão assim que atravessamos a porta de entrada da casa. Ela foi pegar o ônibus para o trabalho, e eu dirigi para o escritório. No segundo dia, foi mais fácil para nós dois. Ela se apoiou no meu peito, eu senti o cheiro do perfume que ela usava. Eu então percebi que há muito tempo não prestava atenção a essa mulher. Ela certamente tinha envelhecido nestes últimos 10 anos, havia rugas no seu rosto, seu cabelo estava ficando fino e grisalho. O nosso casamento teve muito impacto nela. Por uns segundos, cheguei a pensar no que havia feito para ela estar neste estado. No quarto dia, quando eu a levantei, senti uma certa intimidade maior com o corpo dela. Esta mulher havia dedicado 10 anos da vida dela a mim. No quinto dia, a mesma coisa.

Eu não disse nada a Jane, mas ficava a cada dia mais fácil carregá-la do nosso quarto à porta da casa. Talvez meus músculos estejam mais firmes com o exercício, pensei.

Certa manhã, ela estava tentando escolher um vestido. Ela experimentou uma série deles mas não conseguia achar um que servisse. Com um suspiro, ela disse:

"-Todos os meus vestidos estão grandes para mim". _ Eu então percebi que ela realmente havia emagrecido bastante, daí a facilidade em carregá-la nos últimos dias. A realidade caiu sobre mim com uma ponta de remorso... ela carrega tanta dor e tristeza em seu coração..... Instintivamente, eu estiquei o braço e toquei seus cabelos. Nosso filho entrou no quarto neste momento e disse:

" - Pai, está na hora de você carregar a mamãe".

Para ele, ver seu pai carregando sua mãe todas as manhãs tornou-se parte da rotina da casa. Minha esposa abraçou nosso filho e o segurou em seus braços por alguns longos segundos. Eu tive que sair de perto, temendo mudar de idéia agora que estava tão perto do meu objetivo.
Em seguida, eu a carreguei em meus braços, do quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa. Sua mão repousava em meu pescoço. Eu a segurei firme contra o meu corpo. Lembrei-me do dia do nosso casamento.
Mas o seu corpo tão magro me deixou triste. No último dia, quando eu a segurei em meus braços, por algum motivo não conseguia mover minhas pernas. Nosso filho já tinha ido para a escola e eu me vi pronunciando estas palavras:
" - Eu não percebi o quanto perdemos a nossa intimidade com o tempo".

Eu não consegui dirigir para o trabalho.... fui até o meu novo futuro endereço, saí do carro apressadamente, com medo de mudar de idéia...Subi as escadas e bati na porta do quarto. A Jane abriu a porta e eu disse a ela:

"- Desculpe, Jane. Eu não quero mais me divorciar".

Ela olhou para mim sem acreditar e tocou na minha testa:
" -Você está com febre?" _ Eu tirei sua mão da minha testa e repeti:

" - Desculpe, Jane. Eu não vou me divorciar. Meu casamento ficou chato porque nós não soubemos valorizar os pequenos detalhes da nossa vida e não por falta de amor.
Agora eu percebi que desde o dia em que carreguei minha esposa no dia do nosso casamento para nossa casa, eu devo segurá-la até que a morte nos separe."


A Jane então percebeu que era sério. Me deu um tapa no rosto, bateu a porta na minha cara e pude ouví-la chorando compulsivamente. Eu voltei para o carro e fui trabalhar.

Na loja de flores, no caminho de volta para casa, eu comprei um buquê de rosas para minha esposa. A atendente me perguntou o que eu gostaria de escrever no cartão. Eu sorri e escrevi:

" - Eu te carregarei em meus braços todas as manhãs até que a morte nos separe".

Naquela noite, quando cheguei em casa, com um buquê de flores na mão e um grande sorriso no rosto, fui direto para o nosso quarto onde encontrei minha esposa deitada na cama - morta.

Minha esposa estava com câncer e vinha se tratando a vários meses, mas eu estava muito ocupado com a Jane para perceber que havia algo errado com ela. Ela sabia que morreria em breve e quis poupar nosso filho dos efeitos de um divórcio - e prolongou a nossa vida juntos proporcionando ao nosso filho a imagem de nós dois juntos toda manhã. Pelo menos aos olhos do meu filho, eu sou um marido carinhoso.



Os pequenos detalhes de nossa vida são o que realmente contam num relacionamento.



Não é a mansão, o carro, as propriedades, o dinheiro no banco. Estes bens criam um ambiente propício a felicidade mas não proporcionam mais do que conforto. Portanto, encontre tempo para ser amigo de sua esposa (noiva, namorada), faça pequenas coisas um para o outro para mantê-los próximos e íntimos. Tenham um casamento real e feliz!
Se você não dividir isso com alguém, nada vai te acontecer.
Mas se escolher enviar para alguém, talvez salve um casamento.
Muitos fracassados na vida são pessoas que não perceberam que estavam tão perto do sucesso e preferiram desistir...




UM CASAMENTO CENTRADO EM CRISTO É UM CASAMENTO QUE DURA UMA VIDA TODA.


Espero que inspire alguém... Excelente semana, fiquem com Deus!!!

terça-feira, 5 de junho de 2012

Desafio 31 Nails, resumo (Dias 14 ao 17)


Olá, meninas!!! Tudo bem?!

Faz um tempo que eu não posto o "Desafio 31 Nails" (31 Days Nail Challenge"). Vamos ver mais 4 posts do desafio?!
Continuamos na etapa das padronagens(patterns). A minha decepção foi a tribal, eu particularmente não curti...mas, desafio seguindo...


Dia 14: Unhas com FLORES


 Usei aqui o 'Discreta' (Kolt), o 'Bronze' (Blant para Carimbo) e a estampa da placa

DRK-A 2x, e eis o resultado:




 Dia 15: Unhas ESTAMPA DELICADA


 Estava neste dia com saudades do rosa...Escolhi, o 'If You Moust You Moust' (O.P.I) e o 'Bordô' (para carimbo La Femme) , ficou fofo, vai...




Dia 16: Unhas ESTAMPA TRIBAL

Gente...sem comentários...destestei. Mas faz parte do desafio. Missão Cumprida!

O Desafio não é uma competição, ao contrário do que muita gente ainda pensa. É uma brincadeira que nós blogueiras estamos fazendo. Assim, compartilhamos idéias, soltamos a criatividade... por exemplo, estes foram os usados na "Tribal Print"; Sem grandes mistérios, importados, etc...


Dia 17: Unhas GLITTER

Gente, o Glitter que eu usei, foi o 3D Purple (Latika) sobre o lindo 'Grape Milk' (Latika), a dúpla perfeita...







Caso você ainda não tenha aderido ao desafio, e tenha ficado com vontade de aderir, junte-se às meninas desta lista;
Não deixem de comentar nos posts das meninas que estão participando do desafio também!
* A Momô, no Unhas E Glamour;
* A Jéssica, do Manias de Arquiteta;
* A Iva, no Flickr;
* A Janaina, lá no Facebook;
* A Jade, do Frescurites Femininas;
* A Evelyn, também no Facebook;
* A Mariana, do Esmaltes da Ma

*Se você aderir, me avise para integrar a lista!
** Para acompanhar meu desafio, você pode acessar via PINTEREST ou FLICKR. (Clique nos nomes dos sites, que será direcionada aos meus albuns)



E para finalizar, tem sorteio rolando no blog, para participar CLIQUE AQUI.
Sorteio Kanitz




Bom, é isso meninas. Caso gostem de alguma das nails do desafio, e queiram passo a passo, deixem no comentário pois ao final do desafio, os mais votados voltarão com PAP, ok?!



Fiquem na paz, tenham uma semana abençoada e produtiva!
"Achar que o mundo não tem um criador é o mesmo que afirmar que um dicionário é o resultado de uma explosão numa tipografia." Benjamin Franklin

Publicidade

iunique studio criativo

Instagram

© Glamour N´Nails – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in